Rappi começa a aceitar vale refeição da Alelo

A Rappi anunciou nesta quarta-feira (29) que os usuários da plataforma de entrega de alimentos e mercadorias poderão utilizar cartões Alelo no pagamento de alguns produtos. A bandeira entra pouco tempo depois da Ticket também aparecer na lista de cartões aceitos.

Colocar cartões de vale alimentação e refeição é o tipo de novidade que deveria já nascer com os aplicativos de entrega de comida e compras de mercado, mas antes tarde do que mais tarde ainda. Neste primeiro momento serão 800 locais entre restaurantes, lanchonetes, padarias e mercados que aceitarão cartões Alelo no Rappi, sendo que todos estes já aceitam o pagamento com cartões físicos da bandeira nacional.

Presente em mais de 60 cidades do Brasil, a Rappi permite o pagamento com o novo método em qualquer uma delas e isso depende apenas do lojista confirmar que quer receber os valores dos cartões de benefício.

O cartão, que nasceu de uma junção do Bradesco com o Banco do Brasil, pode ser adicionado como meio de pagamento e fica separado em uma área de Vale Refeição/Alimentação. Mesmo com vale alimentação na lista, apenas o Alelo Refeição pode ser utilizado para pagamento das entregas.

Cartões Alelo já podem ser utilizados no iFood desde a semana passada, junto de Sodexo e VR. Adicionar este meio de pagamento faz com que quem recebe os benefícios, também pode utilizá-los nos aplicativos de delivery para entrega no trabalho ou durante o isolamento social, que acontece por conta da pandemia de COVID-19.

Rappi começa a aceitar vale refeição da Alelo

Canon lança app que transforma câmeras DSLR em webcams

Em mais um artigo da série “coisas que já deveriam existir há muito tempo”, a Canon lançou na terça-feira (28) uma ferramenta para Windows 10 que transforma câmeras DSLR, mirrorless e compactas em webcams. O EOS Webcam Utility pode ser uma solução para melhorar muito, muito, muito, a qualidade da sua imagem em chamadas de vídeo.

Sério: a Canon diz em comunicado que “à medida que reuniões e encontros virtuais se tornam a nova regra, você não quer ser pego no escuro com uma webcam de baixa qualidade”. De fato, o upgrade pode ser considerável: as câmeras de notebooks não avançam há anos e certamente estão bem longe de uma, ahn, EOS-1D X Mark III full-frame de R$ 38 mil (sem lente).

Felizmente, a ferramenta também funciona com câmeras mais normais, como as da linha PowerShot e as DSLRs da família Rebel. Esta é a lista completa de modelos suportados:

Canon EOS Webcam Utility Beta

Câmeras DSLR Canon EOS:

  • EOS-1D X Mark II
  • EOS-1D X Mark III
  • EOS 5D Mark IV
  • EOS 5DS
  • EOS 5DS R
  • EOS 6D Mark II
  • EOS 7D Mark II
  • EOS 77D
  • EOS 80D
  • EOS 90D
  • EOS Rebel SL2
  • EOS Rebel SL3
  • EOS Rebel T6
  • EOS Rebel T6i
  • EOS Rebel T7
  • EOS Rebel T7i
  • EOS Rebel T100

Câmeras Canon EOS mirrorless:

  • EOS M6 Mark II
  • EOS M50
  • EOS M200
  • EOS R
  • EOS RP

Câmeras Canon PowerShot:

  • PowerShot G5X Mark II
  • PowerShot G7X Mark III
  • PowerShot SX70 HS

Para usar o EOS Webcam Utility, basta acessar o site da Canon e clicar no modelo da sua câmera. Depois de baixar e instalar o utilitário, será necessário conectar a máquina ao computador por meio de um cabo USB. A partir daí, você pode usar sua webcam ultrapoderosa no Zoom, Google Meet, Skype e outros aplicativos de videochamada.

Outra solução, claro, é comprar uma webcam dedicada, mas elas aumentaram de preço devido ao dólar e ao crescimento do trabalho remoto em todo o mundo em meio à quarentena.

Canon lança app que transforma câmeras DSLR em webcams

Amazon Echo, Echo Dot, Kindle e mais estão em promoção no Brasil

Em preparativo para o Dia das Mães, a Amazon está oferecendo descontos em todos os alto-falantes Echo vendidos no Brasil: o modelo de entrada, Echo Dot, passa a custar R$ 249, enquanto o recém-lançado Echo Show 8 com tela de oito polegadas sai por R$ 799, cem reais a menos que o preço cheio. A promoção também vale para o Kindle Paperwhite e outros produtos da Amazon.

Echo, Echo Dot e Echo Show com desconto

Os quatro Amazon Echo disponíveis no Brasil estão com desconto de 100 reais. Isso torna o Echo Dot mais interessante: por R$ 249, o modelo traz Alexa em português, tem quatro microfones de longo alcance para entender sua voz, funciona com os principais serviços de música (Spotify, Deezer, Apple Music e Amazon Music), controla sua casa e suporta Skills de terceiros que expandem os recursos da assistente virtual.

Amazon Echo Dot

Amazon Echo Dot

O Echo de 3ª geração (de R$ 699 por R$ 599) é focado em qualidade sonora, com tecnologia Dolby para reproduzir áudio em 360 graus e um woofer de neodímio dedicado para tocar graves mais profundos. Com mais potência, ele pode preencher ambientes maiores, como uma sala de estar grande.

Amazon Echo (3ª geração)

Amazon Echo (3ª geração)

Já o Echo Show 5 (de R$ 599 por R$ 499) e o recém-lançado Echo Show 8 (de R$ 899 por R$ 799) exibem respostas da Alexa, letras de músicas, séries do Amazon Prime Video e outras informações visuais em suas telas sensíveis ao toque de 5 e 8 polegadas. Eles também possuem uma câmera, que permite se comunicar com pessoas que tenham um Echo Show ou o aplicativo da Alexa instalado no celular.

Como a Alexa tem bastante relação com casa inteligente, há alguns produtos desse segmento em promoção também. Destaques para a Smart Lâmpada Wi-Fi da Positivo (de R$ 99 por R$ 79) e para as TVs da Samsung, LG e Sony com suporte à Alexa.

Kindle e Kindle Paperwhite ficam mais baratos que nos EUA

Os leitores de ebooks da Amazon também estão em promoção. A oferta não vale para o Kindle Oasis de R$ 1.149, mas pode ajudar quem estava esperando para comprar um Kindle ou Kindle Paperwhite.

O Kindle de 10ª geração foi de R$ 349 para R$ 299, o que significa que é mais barato comprá-lo no Brasil do que nos Estados Unidos, onde ele é vendido por US$ 89,99 (e isso na versão com propagandas embutidas, que não existem por aqui). O modelo atual tem iluminação integrada para permitir a leitura em ambientes escuros, algo que só estava disponível na linha Paperwhite até então.

Kindle básico de décima geração (2019)

Já o Kindle Paperwhite tem um desconto mais modesto, de R$ 499 para R$ 419, mas continua sendo uma boa pedida em comparação com os US$ 129,99 (R$ 697) cobrados dos americanos. As vantagens em relação ao modelo básico são a tela de maior definição (300 pixels por polegada, contra 167 ppi do Kindle) e o design à prova d’água.

Nota de transparência: os links acima têm código de afiliado. Clicando neles, os preços não mudam, mas o veículo pode ganhar uma comissão da Amazon.

Amazon Echo, Echo Dot, Kindle e mais estão em promoção no Brasil

Ford adia táxi autônomo para 2022 devido à COVID-19

O táxi autônomo da Ford também foi afetado pela pandemia do novo coronavírus. O carro, que até então era previsto para ser lançado em 2021, foi adiado para 2022. Segundo a montadora, a decisão foi tomada devido aos “desafios do atual ambiente de negócios” e à “necessidade de avaliar o impacto a longo prazo da COVID-19 nos comportamentos dos clientes”.

A mudança foi confirmada durante a apresentação do balanço do primeiro trimestre. Ao TechCrunch, a empresa afirmou que considera “extremamente importante” analisar como os consumidores vão agir neste momento antes de lançar algo que depende, antes de tudo, da confiança, como acontece com os carros autônomos.

“Dedicar tempo para pesquisar mudanças no comportamento do cliente oferece à Ford oportunidade de avaliar e alterar nossa estratégia de entrada no mercado para atender às novdas demandas”, afirma a empresa, por meio de comunicado.

O diretor de operações da Ford, Jim Farley, acredita que a COVID-19 levará a uma série de mudanças na sociedade, como um distanciamento padrão entre as pessoas. Nesse cenário, o executivo indica que pode crescer o “interesse na adoção de autonomia, especialmente na entrega de mercadorias e na micromobilidade”.

Além de trabalhar na fabricação de seu próprio carro autônomo, a Ford investe no sistema dos veículos. O desenvolvimento é feito pela Argo AI, empresa que em 2017 recebeu aporte de US$ 1 bilhão da Ford e, este ano, receberá mais US$ 2,6 bilhões da Volkswagen, parceira no projeto.

Enquanto não lança seu táxi autônomo, a Ford lida com questões mais urgentes. A empresa teve prejuízo de US$ 2 bilhões no primeiro trimestre — no mesmo período de 2019, houve lucro de US$ 1,1 bilhão — e, por conta da COVID-19, espera ter resultados ainda piores no segundo trimestre.

Ford adia táxi autônomo para 2022 devido à COVID-19

Bug no macOS pode lotar armazenamento ao importar fotos

Desenvolvedores do aplicativo NeoFinder descobriram um bug que pode facilmente lotar o espaço interno do macOS ao utilizar a ferramenta Captura de Imagem para fotos. O erro ocorre quando elas são importadas com o app, com a conversão de formato ativada e que adiciona 1,5 MB de espaço cheio de vários nadas ao arquivo final.

O Captura de Imagem é um app que vem em todo macOS recente, muito útil quando o usuário pluga uma câmera (pode até ser um iPhone, iPod Touch ou iPad) e quer importar a biblioteca de fotos e vídeos para dentro do computador. Alguns destes aparelhos utilizam o formato HEIF para fotos, que consegue diminuir o tamanho final do arquivo, mantendo quase que toda a qualidade.

É justamente neste momento que o bug acontece, na conversão para JPG. Basta não selecionar a “Manter Originais” para que o arquivo final fique com 1,5 MB extra ao tamanho que deveria ter. Este tamanho extra tem vários zeros no código, que é o mesmo que vários nadas.

espaco vazio macos captura de imagem

O problema pode ser pequeno para quem tem cinco fotos, mas 1 mil fotos garantiram 1,5 GB deste problema. Fechando em 5 mil fotos importadas e o tamanho sobe para 7,5 GB. Se você é daqueles que tira foto de tudo em todos os momentos e está com 50 mil fotos guardadas, terá 75 GB de muitos nadas.

Alguns modelos base de MacBooks Air contam com 128 GB de SSD, isso garantiria todo o armazenamento do macOS lotado só com fotos e o espaço dos nadas.

A Apple já entrou em contato com os desenvolvedores, o que pode ser indício de que estão cientes do problema e precisam de mais informações para poder criar uma correção. Outro detalhe importante é que a falha também está presente em outros apps que utilizam alguma parte do Captura de Imagem.

Com informações: 9to5Mac.

Bug no macOS pode lotar armazenamento ao importar fotos

iOS 13.5 beta tem recurso de COVID-19 e pula Face ID se você usar máscara

A Apple lançou nesta quarta-feira (29) o primeiro beta do iOS 13.5, que traz recursos relacionados à pandemia de COVID-19 entre as principais novidades. Esta é a primeira versão do sistema operacional para iPhones com a API de notificação de exposição, desenvolvida em parceria com o Google. E o Face ID também deixa de ser um problema: o reconhecimento facial pula direto para a senha se você estiver de máscara.

Apesar de ser o primeiro beta, o nome oficial da versão distribuída para os desenvolvedores é iOS 13.5 beta 3. Isso porque ele é baseado no iOS 13.4.5, que já passou por dois betas — mas a numeração da versão sempre é alterada quando o kit de desenvolvimento muda, daí a estranheza. Detalhes técnicos à parte, a grande novidade é o recurso de notificações de exposição à COVID-19.

A função já pode ser vista nas configurações de Saúde, dentro do menu Privacidade do app Ajustes. A tela permite ativar ou desativar as notificações de exposição e esclarece que o iPhone utiliza o Bluetooth para compartilhar, de forma segura, códigos de identificação aleatórios com dispositivos próximos para te alertar se você ficou exposto ao coronavírus.

A tecnologia, desenvolvida em uma parceria entre Apple e Google, tem participação anônima e voluntária. Inicialmente, ela será utilizada em aplicativos de órgãos de saúde, que poderão oferecer recomendações para pessoas que entraram em contato com outras que testaram positivo para COVID-19. Futuramente, o recurso será nativo do sistema e poderá emitir alertas sem necessidade de nenhum aplicativo adicional.

Vale lembrar que a API de notificação de exposição não estará disponível para todos os desenvolvedores; ela só será liberada para autoridades de saúde pública, para garantir que os dados sejam coletados, armazenados e tratados de forma segura.

iOS pula reconhecimento facial para quem está de máscara

O beta do iOS 13.5 também resolve um problema que muitos descobriram em tempos de precaução contra o novo coronavírus: a tecnologia de reconhecimento facial não funciona se você estiver vestindo uma máscara (embora seja possível treiná-la). Pior: o celular tenta fazer o desbloqueio por alguns segundos e só depois dos fracassos mostra sozinho a opção de digitar a senha.

Pois bem: com a nova versão, você poupa tempo no momento do desbloqueio porque o iPhone já entra direto na tela de digitar a senha caso detecte que o usuário está com uma máscara no rosto. Dessa forma, o processo fica invertido: se você quiser mesmo utilizar o Face ID, pode deslizar para cima na tela de senha.

Colaborou: Paulo Barba.

iOS 13.5 beta tem recurso de COVID-19 e pula Face ID se você usar máscara

Promoções do dia na App Store: Retro Knight, 1Contact Pro, Planner Pro e mais!

Confira a nossa seleção de promoções nas App Stores para esta quarta-feira!

Torne-se o melhor cavaleiro do reino em toda a Kingdomland em Retro Knight, criado por Noah Wilson!

O jogo é uma divertidíssima fonte de entretenimento. Inicie sua jornada como um recruta e evolua até deixar sua marca em todo o reino. Visite lojas, crie sua rotina, descubra novas áreas e muito mais neste jogo com um pegada um pouco Zelda.


Ícone do app Retro Knight

Retro Knight

de Noah Wilson

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 5.7 (139.4 MB)
Requer o iOS 8.0 ou superior

Grátis R$ 7.90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Screenshot do app Retro KnightScreenshot do app Retro KnightScreenshot do app Retro KnightScreenshot do app Retro Knight
N/D
Nota na App Store

Minha nota

Confira um vídeo dele:

Boa diversão! 🏰

·   •   ·

Abaixo outros aplicativos/jogos que, juntos, somam quase R$103 de desconto:

Apps para iOS


Ícone do app 1Contact Pro - Contact Manager

1Contact Pro – Contact Manager

de Roxwin Vietnam Technologies Company Limited

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 2.0.2 (64.5 MB)
Requer o iOS 9.2 ou superior

Grátis R$ 7.90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Utilitário para contatos.


Ícone do app WordMap: Interactive Thesaurus

WordMap: Interactive Thesaurus

de Alex Tataurov

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 1.2.2 (100.7 MB)
Requer o iOS 13.0 ou superior

Grátis R$ 10.90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Aplicativo educacional.


Ícone do app Primo Do

Primo Do

de Scirocco Consultants Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 2.2 (16.9 MB)
Requer o iOS 8.0 ou superior

Grátis R$ 7.90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Organize sua a vida.

App para macOS


Ícone do app Planner Pro - Daily Calendar

Planner Pro – Daily Calendar

de Beesoft Apps

Compatível com Macs
Versão 1.3.4 (2.5 MB)
Requer o macOS 10.10 ou superior

R$ 18,90 R$ 94.90

Badge - Baixar na Mac App Store

Código QR Código QR

Planejamento de vida.

·   •   ·

Aproveitem as ofertas e até amanhã! Ah, lembrando que elas são sempre por tempo limitado, então é bom correr! E, se puder, fique em casa. 🏠