Google Chrome testa bloqueio de rastreamento de anúncios entre sites

O bloqueio de cookies rastreadores está, aos poucos, se tornando um padrão nos navegadores web: você encontra isso no Mozilla Firefox e no novo Microsoft Edge; agora, o Google Chrome está testando o mesmo recurso. A versão Canary possui uma opção chamada “Bloquear cookies de terceiros” para evitar o rastreamento entre um site e outro.

O recurso experimental está disponível para o Chrome Canary no macOS, Windows, Linux e Chrome OS. Ele “ativa o bloqueio de cookies de terceiros e uma interface melhorada para controle de cookies no modo de navegação anônima”, segundo a descrição do Google.

Após ativar essa flag e reiniciar o navegador, basta ir até as configurações e clicar na opção Bloquear cookies de terceiros; ela serve para “impedir sites de terceiros de salvar e ler dados de cookies”.

Google Chrome Canary bloqueia cookies de terceiros

Ao fazer isso, sites como YouTube e Facebook exibirão um novo ícone na barra de endereços, avisando que “esta página foi impedida de configurar cookies”. Se você clicar em “Mostrar cookies e outros dados do site…”, isso abrirá uma nova janela.

Google Chrome Canary bloqueia cookies de terceiros

Você verá que, no YouTube, todos os cookies do Google e da Google Marketing Platform (antiga DoubleClick) foram bloqueados. Se você clicar em “Fazer login”, será levado a um site do Google; neste caso, os cookies do YouTube serão barrados.

Google Chrome Canary bloqueia cookies de terceiros

No modo anônimo, há um contador de cookies que foram bloqueados; para vê-lo, basta clicar no novo botão presente na barra de endereços.

Google Chrome Canary bloqueia cookies de terceiros

Para ativar esse recurso, é necessário instalar o Chrome Canary e ir até o endereço chrome://flags/#improved-cookie-controls, ativando a opção Enable improved cookie controls UI.

Google Chrome Canary bloqueia cookies de terceiros

O Google prometeu, durante a conferência I/O, que o Chrome iria bloquear o rastreamento de anúncios entre sites. Por exemplo, se você fizer uma busca sobre um celular, esse mesmo smartphone não ficará aparecendo em propagandas de outros sites.

A empresa também propôs implementar o Privacy Sandbox, que limita as informações usadas para personalizar anúncios, usando técnicas como privacidade diferencial e aprendizagem federada.

No Firefox 69, o bloqueio contra rastreadores de terceiros se tornou padrão para todos os usuários. O Safari tem medidas para combater o rastreamento entre sites. E o Microsoft Edge baseado no Chromium terá um recurso chamado Prevenção de rastreamento.

Com informações: Bleeping Computer.

Tecnocast 124 – Anúncios Stalkers

O Google está propondo uma forma de aumentar a privacidade na web, sem acabar com os anúncios personalizados. Isso seria possível através da Privacy Sandbox – um método que categoriza os usuários por grupos de interesse, mas sempre de forma anônima. Será que vai dar certo?

Ainda sobre Google, soubemos que o Android não vai mais ter nome de doces. A próxima versão do sistema se chamará apenas…  Android 10. Por último, falamos sobre a loja que a Apple inaugurou no Mercado Livre. Quem diria! Dá o play e vem com a gente:

Google Chrome testa bloqueio de rastreamento de anúncios entre sites

Recommended Posts