História do Spotify vai ser contada em série da Netflix

Microsoft, Google e Facebook são exemplos de companhias de tecnologia que já foram retratadas nas telas. Uma das próximas vai ser o Spotify: a história do serviço de streaming de música vai ser contada em uma série da Netflix.

Não há data para a produção ser lançada, até porque a gravação sequer começou. Por ora, o que se sabe é que os roteiros dos episódios já estão sendo escritos. Eles têm como base o livro Spotify Untold, de Sven Carlsson e Jonas Leijonhufvud, que conta como a empresa de streaming foi fundada e se tornou um fenômeno global.

É impossível contar a história do Spotify sem retratar o papel de Martin Lorentzon e, principalmente, Daniel Ek, os dois fundadores da empresa. Eles decidiram criar a plataforma de streaming quando se deram conta de que a pirataria estava em alta porque as pessoas não tinham acesso a um jeito mais prático de conseguir música.

Com efeito, o Spotify entrou em operação em 2008, na Suécia, com a proposta de ser mais atraente do que torrents e afins. Deu certo: pouco mais de dez anos depois, o Spotify atingiu a marca de 248 milhões de usuários em todo o mundo, dos quais 113 milhões são pagantes.

“A trajetória da fundação do Spotify é um ótimo exemplo de como uma história local pode ter impacto global”, diz Tesha Crawford, diretora de produções originais da Netflix para a Europa.

“Não é apenas uma história sobre como as nossas vidas mudaram na última década, mas sobre uma batalha pela influência cultural e financeira em um mundo globalizado e digitalizado”, completa Berna Levin, produtora-executiva da Yellow Bird, produtora que cuidará da série.

Enquanto a série não chega, você pode conferir um resumo sobre a história da plataforma de streaming no especial de 10 anos do Spotify que eu preparei aqui para o Tecnoblog.

Com informações: TechCrunch.

História do Spotify vai ser contada em série da Netflix

Recommended Posts