“iPhone 12” poderá mesmo atrasar; “iPhone SE Plus” no 2º semestre de 2021?

E lá vamos nós com mais rumores envolvendo futuros lançamentos da Apple!

Essa nova leva, fresquinha, veio diretamente da Ásia — mais precisamente de duas notas para investidores do famoso analista da TF Securities, Ming-Chi Kuo (que tem um ótimo histórico de acertos, sendo responsável por diversos vazamentos recentes de lançamentos da Maçã).

Vamos às possíveis novidades!

Atraso na produção do iPhone 12″

Quatro iPhones (um de 5,4", dois de 6,1" e um de 6,7")

A essa altura do campeonato, quem nos acompanha aqui no MacMagazine já sabe que todos os “iPhones 12” (serão quatro modelos, no total) contarão com conectividade 5G.

Segundo Kuo, os iPhones que contam com a tecnologia mmWave (5G em sua forma “mais potente”, digamos assim) poderão ter a sua produção empurrada para mais tarde por conta de uma mudança no design do pacote da antena (antenna in package, ou AiP). Como os laboratórios para realizar os testes de qualificação estão fechados, o projeto como um todo precisa ser adiado.

Ainda de acordo com o analista, os modelos de 5,4 e 6,1 polegadas (lembrando que serão dois desse tamanho) começarão a ser fabricados em setembro, enquanto o modelo maior, de 6,7 polegadas, apenas em outubro (pois ele tem um design de antena ainda mais complicado).

Caso isso de fato se confirme, a Apple poderá dividir o lançamento em duas fases ou simplesmente adiar tudo para o fim no ano.

“iPhone SE Plus”

Acredite se quiser: existe um rumor sobre um possível “iPhone SE Plus”, ventilado pelo próprio Kuo. Contudo, o analista tinha apostado que ele seria lançado no primeiro semestre de 2021 e com um design bem diferente do do SE lançado recentemente, uma vez que o aparelho teria uma tela sem bordas e sem botão de Início (em vez de Face ID, teríamos um Touch ID embutido no botão lateral), com uma tela de 5,5″ ou 6,1″.

Previsões envolvendo iPhones para 2020 e 2021

Agora, o analista revisou essas projeções e informou que esse dispositivo deverá ser lançado no segundo semestre do ano que vem. Ele não comentou o possível preço de entrada desse suposto novo smartphone, nem revisou as especificações técnicas dele.

O curioso é que, se o rumor se confirmar, teríamos um “iPhone SE Plus” bem diferente do iPhone SE comercializado hoje — o modelo lançado na semana passada conta com botão de início com Touch ID (consequentemente, uma tela com belas bordas).

Projeção de vendas

Por fim, o analista afirmou que as vendas do ‌novo iPhone‌ SE estão melhores do que o esperado; em contrapartida, a demanda geral por iPhones está em queda. Desta forma, ele acredita que serão vendidos algo entre 29 a 32 milhões iPhones no segundo trimestre, uma redução de 20-25% se comparamos a 2019.

Se a economia e o poder de compra de consumidores melhorarem um pouco no terceiro trimestre de 2020, as vendas nesse período poderão cair um pouco menos do que no segundo (em torno de 10-15%).

via MacRumors [1, 2]

Recommended Posts