Microsoft anuncia Surface Go 2, Surface Book 3 e novos fones de ouvido

Pandemias, pandemias, negócios à parte: o mundo pode estar basicamente paralisado por conta do novo Coronavírus (COVID-19), mas isso não tem impedido as gigantes tecnológicas de seguir com seus respectivos cronogramas de lançamentos: a Apple, por exemplo, já colocou no mercado uma série de novos produtos, entre iPads Pro, MacBooks Air e Pro e o iPhone SE.

Samsung, Xiaomi e Huawei também apresentaram novidades nas últimas semanas. Agora, foi a vez da Microsoft.

Surface Go 2

A primeira novidade da gigante de Redmond é o Surface Go 2, o sucessor do tablet “de entrada” da empresa. Temos aqui um ligeiro aumento no tamanho de tela (10,5 polegadas, meia polegada a mais do que antes), que não altera o tamanho do dispositivo em si — com isso, acessórios da geração anterior, como as capas com teclado, continuam funcionando.

O design geral do dispositivo é o mesmo, com o já icônico apoio que se “dobra” e permite o apoio do tablet em diversos ângulos. Assim como antes, temos uma única porta USB-C, a porta Surface Connect (para carregamento e conexão de periféricos) e um leitor de cartões microSDXC. De novidade, há a adição de “microfones de estúdio” e uma maior bateria, que deverá garantir até 10 horas de uso longe da tomada.

Temos aqui algumas opções de configuração: o modelo de entrada, que custa US$400, é equipado com um processador Intel Pentium Gold, 4GB de RAM e 64GB de armazenamento eMMC; por US$550, a RAM e o armazenamento (que passa a ser SSD) dobram para 8GB e 128GB, respectivamente.

A versão mais cara, de US$630, muda o processador para um Core m3 de 8ª geração — que, segundo a Microsoft, traz performance 64% superior em relação à geração passada; os modelos mais caros do dispositivo serão vendidos também em versões LTE, por preço maior.

O Surface Go 2 começará a ser vendido no dia 12 próximo em vários países, incluindo EUA, Reino Unido, Canadá, Austrália, França, Espanha, Itália e Portugal — nada de Brasil, como de costume.

Surface Book 3

Enquanto isso, o belíssimo exercício de design em laptops híbridos da Microsoft ganhou uma terceira geração. O Surface Book 3 mantém o mesmo visual inusitado dos seus antecessores, com a dobradiça segmentada e a tela destacável, mas atualiza com presteza seus componentes internos — segundo a Microsoft, trata-se do seu notebook mais poderoso já feito.

Temos aqui opções de processadores Intel Core i5 ou i7 da décima geração, como os novos MacBooks Pro mais caros, além de placas gráficas dedicadas: modelos GeForce GTX, da NVIDIA, com 4GB (no modelo de 13,5 polegadas) ou 6GB de memória (no de 15 polegadas). De acordo com a Microsoft, o modelo maior é capaz de rodar os títulos mais exigentes do Xbox Game Pass a 1080p e 60 quadros por segundo.

Os computadores comportam até 32GB de RAM, e incluem os “SSDs mais rápidos do mercado”, de até 2TB, além de oferecerem meia-hora extra de bateria. O áudio é Dolby Atmos, e já temos suporte a Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.0. Infelizmente, a Microsoft continua torcendo o nariz para o Thunderbolt 3, então nada de conexões rápidas no laptop.

As duas versões do Surface Book 3 já estão em pré-venda e chegarão a mercados do hemisfério norte no dia 21 próximo; o modelo de 13,5 polegadas parte de US$1.600, enquanto a versão de 15 polegadas sai por, no mínimo, US$2.300.

Surface Headphones 2

Temos, ainda, uma nova geração dos fones de ouvido da Big M — agora, com um preço significativamente reduzido e as mesmas habilidades trazidas pelo modelo anterior.

Os Surface Headphones 2 prometem qualidade sonora ainda melhor, cancelamento ativo de ruídos (em nada menos que 13 níveis diferentes) e até 20 horas de bateria, com o cancelamento ativado. Tudo isso por US$250, 100 dólares a menos que o seu antecessor.

O design dos headphones ainda é bem parecido com o da geração passada, com suas almofadas over-ear e os controles giratórios em cada uma das extremidades (um para alterar volume de reprodução, e o outro para controlar o cancelamento de ruídos).

Os acessórios já estão em pré-venda, e chegarão ao hemisfério norte no dia 12 próximo.

Surface Earbuds

Por fim, já falamos aqui dos Surface Earbuds — os concorrentes dos AirPods Pro apresentados há mais de seis meses, com acesso rápido ao Microsoft 365, emparelhamento rápido no Android e no Windows 10, 8 horas de bateria (ou 24, com a carga dos estojos) e controles sensíveis ao toque (mas sem cancelamento ativo de ruídos).

Pois hoje, finalmente, a empresa anunciou sua disponibilidade: os fones chegarão ao mercado no dia 12 próximo, por um preço menor do que o originalmente anunciado: os Surface Earbuds custarão US$200, 50 dólares a menos do que se esperava.

·   •   ·

Gostaram das novidades? Deixem seus comentários logo abaixo.

via Mashable

Recommended Posts