Microsoft Teams, rival do Slack, chega ao Linux em versão de testes

Lançado em 2016 como um promissor concorrente para o Slack, o Microsoft Teams vem ganhando cada vez mais participação no mercado. Em breve, esse cenário poderá ficar ainda mais favorável para o serviço. Isso porque a Microsoft está lançando uma versão da ferramenta para Linux.

Trata-se de uma versão experimental, mas que aparenta ser bastante funcional. Ela está disponível publicamente no site do Microsoft Teams em pacotes .deb e .rpm de 64 bits. Com isso, o serviço passa a cobrir todas as principais plataformas do mercado: Windows, macOS, Android, iOS e, agora, Linux.

A interface remete às versões já existentes do Microsoft Teams. Todas as principais funcionalidades estão lá, incluindo recursos para videoconferências, chamadas e trabalhos colaborativos online em documentos.

É claro que, por ainda não estar em versão final, o Microsoft Teams para Linux pode apresentar falhas ou inconsistências. A companhia afirma, porém, que está trabalhando para deixar tudo nos conformes. Os usuários poderão dar feedback no fórum do Microsoft Teams.

Um detalhe que chama atenção — e que é enfatizado pela própria Microsoft — é que esta é a primeira ferramenta do Office 365 a ser disponibilizada para Linux. A companhia não revelou, porém, se pretende levar softwares como Word, Excel e PowerPoint para a plataforma.

Que fique claro que não é necessário ter uma assinatura do Office 365 para usar o Microsoft Teams. A ferramenta é gratuita mesmo para não assinantes e traz funções básicas. Existe uma versão paga que oferece mais capacidade de armazenamento e integração com diversos serviços.

Microsoft Teams, rival do Slack, chega ao Linux em versão de testes

Recommended Posts