Pesquisadores “enganam” Face ID usando óculos com fita adesiva em uma pessoa desacordada

Tentar burlar qualquer método de biometria (que funcione de verdade) não só parece como é, de fato, algo realmente complicado. O Face ID, por exemplo, possui uma taxa de falsos-positivos1 de 1:1.000.000 (bem menor que a do Touch ID, que é de 1:50.000).

Mas há pesquisadores que trabalham justamente para encontrar essa uma chance em 1.000.000 — e quem acha, procura. Durante a conferência de segurança Black Hat 2019, um grupo de pesquisadores demonstraram uma maneira forçada peculiar de contornar a autenticação biométrica do Face ID. O que eles usaram? Óculos, fita adesiva e, de preferência, uma pessoa desacordada, como divulgado pelo ThreatPost.

Não consegue imaginar como isso funcionaria? Explico-lhes: o Face ID conta com uma camada de segurança adicional (e opcional), que utiliza a atenção do usuário para verificar se a pessoa está olhando para o iPhone antes de desbloqueá-lo. Esse recurso, porém, pode não funcionar devidamente se o usuário estiver usando óculos escuros, e foi justamente desse ponto que os pesquisadores se aproveitaram.

O grupo foi capaz de explorar essa “brecha” do Face ID utilizando apenas um par de óculos, apelidado de “X-Glasses”, e duas camadas de fitas (uma branca e outra preta) sob as lentes.

Colocando a fita cuidadosamente sobre as lentes de um par de óculos e posicionando-o no rosto da vítima, os pesquisadores demonstraram como poderiam burlar o Face ID em um cenário específico. O ataque em si é difícil, dado que o agente malicioso precisaria descobrir como colocar os óculos em uma vítima inconsciente sem acordá-lo.

Uma coisa é certa: a invasão é muito menos elaborada que outros métodos para burlar o Face ID os quais já surgiram por aí. Nós comentamos, por exemplo, que uma empresa desenvolveu máscaras hiper-realistas para enganar a autenticação biométrica do iPhone. Ou então, mais simples ainda: basta ter um irmão gêmeo para conseguir burlar o sistema da Maçã.

via iMore | Imagem: Halfpoint / Shutterstock.com

Recommended Posts