WhatsApp expôs mais 161 mil números de celular no Google

Tem mais números do WhatsApp circulando pelo Google: 161 mil links utilizados por uma API do WhatsApp Web foram indexados por sites de pesquisa, incluindo 15,7 mil celulares do Brasil. O aplicativo, que pertence ao Facebook, teve problemas semelhantes com o recurso “conversa em um clique” (click to chat) e com convites de grupo. A empresa reconfigurou os links para que sejam removidos da busca.

Henrique Pinheiro Sá, leitor do Tecnoblog, observa que o domínio api.whatsapp.com foi indexado pelo Google. Há atualmente 161 mil resultados, todos com números válidos de celular para entrar em contato através do navegador.

Antigamente, o WhatsApp sugeria usar endereços no formato api.whatsapp.com/send?phone=5511999998888 para levar usuários diretamente a uma conversa no WhatsApp, permitindo enviar mensagens a um número específico (no caso, 11 99999-8888) sem adicioná-lo à agenda.

Esse método era pensado apenas para o WhatsApp Web, não para o aplicativo de iPhone e Android. Por isso, a empresa acabou migrando para links no formato wa.me/5511999998888, que funcionam em qualquer plataforma. Veja como iniciar uma conversa no WhatsApp sem dar seu número.

WhatsApp indexou 15.700 links com números de celular do Brasil (+55):

WhatsApp no Google

Google vai remover links com números do WhatsApp

O WhatsApp deixou que links nos domínios api.whatsapp.com e wa.me fossem indexados por motores de busca, incluindo Google, Bing e DuckDuckGo. Cada página inclui o número de celular e, se o usuário não mexer nas configurações padrão, é possível ver sua foto de perfil.

Para que esses links sejam removidos da busca, o WhatsApp precisava adicionar a tag “noindex” que impede a indexação por parte dos rastreadores (crawlers). A empresa fez isso nas últimas horas com os links dos dois domínios afetados.

WhatsApp no Google

O que isso significa? Ao longo dos próximos dias, os números de celular que o Google indexou do WhatsApp vão sumir da busca, à medida que cada link for analisado novamente. O mesmo vale para Bing e semelhantes.

O WhatsApp finalmente adicionou a tag “noindex” depois que o pesquisador Athul Jayaram apontou essa brecha de privacidade, que expôs 263 mil números de celular no Google através de endereços wa.me. Vale lembrar que, em fevereiro, descobriu-se que 470 mil convites de grupo de WhatsApp estavam disponíveis na busca; desde então, todos foram removidos dos resultados.

WhatsApp expôs mais 161 mil números de celular no Google

Recommended Posts